O verão é uma época boa para sair por aí de moto. No entanto, antes do seu cliente pegar a estrada, é importante fazer a manutenção preventiva da motocicleta. Afinal de contas, é importante curtir o veículo de duas rodas com tranquilidade e segurança, não é verdade? Além disso, essa manutenção deve prevenir sérios problemas na sua moto, como uma roda travada e outras dores de cabeça que podem ser evitadas.

No entanto, para fazer a manutenção preventiva, é necessário ter muito conhecimento mecânico, porém, vale uma regra: clientes apaixonados por moto também devem conhecer, no mínimo, algumas peças dessas máquinas e saber como elas se encaixam. A manutenção preventiva é algo fácil de aplicar no dia a dia do seu cliente e tem uma consequência benéfica para a moto e o seu condutor.

Mas o que verificar na manutenção preventiva? Confira a partir de agora em nosso post!

[e-book] Como montar uma oficina de motos diferenciada? Baixe nosso material e descubra | Clique aqui | Metalcava

O que verificar na moto durante a manutenção preventiva?

Rodas e pneus

As rodas e os pneus são os primeiros itens que devem ser verificados na moto durante a manutenção preventiva. Isso deve ser feito semanal ou quinzenalmente. Veja como está o estado de conservação dos pneus, se eles estão desgastados e se não há objetos pontiagudos presos, como pregos e cacos de vidro. Verifique, ainda, a calibragem que deve fazer parte desta rotina.

Também é importante observar o excesso de peso. Como ele contribui para aumentar o consumo dos pneus, mantenha-os cheios e faça uma inspeção nas rodas para garantir que o ar não vaze. É importante olhar se existem trincas ou amassados e, caso tenha, peça ao condutor para trocar os pneus.

Luzes

As  luzes das motos são velozes e discretas se você comparar com as dos modelos robustos dos carros, como SUV’s. As motos também dependem muito da visibilidade proporcionada pelas luzes. Por isso, ao dar a partida na moto, veja se todas as luzes se acendem. Essa checagem é importante tanto para você utilizar a moto durante o dia ou à noite. Caso observe algum problema, troque as lâmpadas, com exceção do farol. Por ser uma tarefa simples e rápida, essa troca pode ser feita em casa mesmo.

Comandos e cabos

Também é importante verificar se os comandos e os cabos fazem parte do plano de manutenção preventiva. Por isso, faça uma minuciosa observação e veja se os cabos estão conectados e em bom estado de conservação. Se você quer uma dica para prolongar a vida útil deles, use óleo fino a cada 30 dias nos cabos de embreagem, de modelos que funcionem dessa maneira. Isso permitirá que a passagem de marcha seja mais facilitada e o atrito reduzido.

Gasolina e o óleo da moto

Durante a manutenção preventiva, é importante dar uma olhada no óleo e na gasolina utilizados na moto. Confira também o nível de óleo pelo menos uma vez por semana ou a cada 15 dias. Já em reação a gasolina, a dica mais importante que você deve dar ao seu cliente é ele não escolher o posto de abastecimento pelo preço, mas sim pela confiança na bandeira e a qualidade do combustível.

Bateria

O hábito de muitos motociclistas brasileiros ligarem a moto com o farol aceso, acelera o desgaste do equipamento e diminui a vida útil da motocicleta. Isso força a substituição da bateria, por uma peça nova, num curto prazo. Portanto, você incentivar seu cliente a mudar este hábito, para que ele possa garantir a durabilidade da peça.

O que oferecer para ganhar a confiança do cliente?

  • Tenha um bom atendimento;
  • Contrate um bom mecânico;
  • Ofereça serviços de qualidade.

[Infográfico] Categoria de moto: saiba qual o elevador ideal para cada categoria de moto | BAIXE AQUI GRÁTIS | Metalcava

Quais equipamentos ter para oferecer a manutenção?

Desmontadora de Pneus Elétrica

A desmontadora de pneus elétrica, modelo DPE, é desenvolvida para desmontar e montar rodas de aço e liga leve. O equipamento possui um descolador pneumático e formato anatômico, que evita danos à roda. Ela é perfeita para te auxiliar na troca de pneus da motocicleta do seu cliente.

Elevador para motos

A Metalcava tem elevadores hidráulicos, pneumáticos e de coluna. O elevador EMCH-250 é um elevador compacto e robusto. Ele é indicado para trabalhos com motos de pequeno e médio porte. É perfeito para espaços menores e desenvolvido para você atender moto de até 250 Kg. O equipamento se destaca pelo melhor custo benefício, segurança e simplicidade em seu funcionamento.

Desempenadora e alinhadora de rodas

A desempenadora e alinhadora de rodas modelo DPAL da Metalcava, é desenvolvida para desempenar e desamassar as rodas de motos de aço e liga leve. O equipamento atende largura de aros de  2” a 7” e, diâmetro de aro 14” até 21”. Possui uma estrutura resistente e alinhada, proporcionando melhor resultado no alinhamento do aro e varetas laterais para facilitarem a centralização e o alinhamento de aros com o cubo. A desmontadora e alinhadora de rodas também permite o alinhamento de rodas raiadas.

Além desses equipamentos, a Metalcava tem outros produtos para a linha duas rodas. Os equipamentos podem te ajudar a oferecer o serviço de manutenção preventiva para o seu cliente. Tudo para você fazer um bom trabalho na sua empresa.

Quer ler mais conteúdos como este? Acesse o nosso próximo post e confira algumas dicas de manutenção preventiva para motos off road!